Saiba quais são os principais parceiros comerciais do Brasil


Comprar e vender é essencial para que qualquer país possa desenvolver sua economia e manter boas relações com nações estrangeiras. Nem sempre isso acontece como deveria, como é o caso da recente guerra comercial entre EUA e China. Mas desentendimentos fazem parte do nojo no qual os dois lados procuram as melhores condições para favorecer seu povo e sua economia. E o Brasil não é um jogador fraco neste jogo que já dura centenas de anos.

Apesar de ser uma país relativamente jovem e que ainda tem muito a aprender com nações mais desenvolvidas em diversos aspectos, possuímos uma boa reputação internacional. Considerada a 24º maior economia de exportação no mundo, o Brasil tem como principais exportações a soja, o minério de ferro, o açúcar bruto e a carne de aves, enquanto petrolíferos refinados, peças de veículos, medicamentos, telefones e carros constituem as principais importações do país.

Saiba, a seguir, quais são os principais parceiros comerciais do Brasil e quais produtos são os maiores responsáveis por essas parcerias lucrativas e duradouras:

1º – CHINA
Considerada atualmente a maior economia de exportação no mundo, a China destaca-se devido suas exportações de eletrônicos como unidades de disco digital, equipamentos de transmissão, telefones, circuitos integrados e peças de máquinas diversas, destinados a locais como Estados Unidos, Hong Kong, Japão, Alemanha e Coreia do Sul. Destes e de outros países, como o Brasil, a China importa soja, carne de aves, petróleo, ouro, minério de ferro, carros e muito mais.

2º – ESTADOS UNIDOS
Atualmente na privilegiada posição de 2º maior economia de exportação no mundo, o Estados Unidos é um grande exportador de aviões, helicópteros, carros, turbinas e outros, enquanto importa petróleo, unidades de disco digital, medicamentos e peças de veículos. Canadá, México, China, Japão e Alemanha são seus principais destinos de exportação e origens de importação. Do Brasil, um dos principais produtos importados é nosso tradicional café, além de borracha e madeira.

3º – ARGENTINA
Na 44º posição de maior economia de exportação no mundo, a Argentina é uma grande exportadora de milho, soja e derivados. O Brasil é um dos principais destinos dessas exportações, assim como Estados Unidos, China, Vietnã e Chile. Já as importações de carros, peças de veículos, telefones, petrolíferos refinados e petróleo saem do Brasil, da China, dos Estados Unidos, da Alemanha e do México.

4º – HOLANDA
A 8º maior economia de exportação no mundo é exportadora de petrolíferos refinados, unidades de disco digital, medicamentos, e, surpreendentemente, de sangue, tanto de origem humana quanto animal. Alemanha, Bélgica-Luxemburgo, Reino Unido, França e Itália são os destinos desses produtos, enquanto Alemanha, China, Estados Unidos e Rússia fornecem ao país outros produtos. Do Brasil, a Holanda importa farelo de soja, suco de frutas, milho, minério de ferro e alguns outros produtos menores.

5º – ALEMANHA
A posição de 3º maior economia de exportação no mundo pertence à Alemanha, que é um dos países líderes em exportação de carros, peças de veículos, medicamentos, aviões, helicópteros e, também, sangue. Seus principais parceiros de negócios são Estados Unidos, França, Reino Unido, China, Holanda e Itália. O Brasil fornece café, soja, minérios de ferro e cobre, peças de motores e muito mais à Alemanha, que nos envia medicamentos, sangue, fertilizantes, pesticidas e alguns outros produtos fundamentais.